Comport - Hardware & Software

COMO MANTER O PC REFRIGERADO COM UM PROCESSADOR POTENTE?

Publicado em 24 de agosto de 2016

Aquecimento nunca é bom sinal, especialmente porque compromete o potencial de desempenho que o PC poderia alcançar. Por exemplo, você sabia que processadores potentes podem esquentar demais e gerar perda de velocidade? Pois é.


 

O aquecimento causa isso quando a temperatura chega próximo do limite operacional do componente. Daí, como forma de defesa, o processador começa a limitar o seu funcionamento, o que reduz a circulação de eletricidade e o calor gerado no interior. Porém, isso deixa o PC lento e também pode provocar travamentos e tela azul.


 

Então, a pergunta é: como mantê-lo refrigerado e operando com eficiência?


 

Aumente a velocidade do cooler


 

Uma opção é acessar a interface de controle da placa-mãe e configurar o cooler para operar numa velocidade maior, o que produzirá mais ar para refrigerar a CPU. E dependendo do PC, é possível controlar seu sistema de refrigeração via Windows, não sendo necessário aplicar novas configurações pela BIOS. Existe também o aplicativo Speed Fan, que possibilita o controle da velocidade do cooler em computadores e notebooks.


 

Independentemente de como você fará, avalie o seguinte: aumentar a velocidade do cooler pode se tornar um incômodo ao gerar um nível de ruído maior.


 

Faça uma limpeza


 

O acúmulo de poeira pode comprometer o funcionamento do sistema de refrigeração. Por isso, providencie uma limpeza de tempos em tempos.


 

Aplique uma pasta térmica


 

A pasta térmica ajuda a reduzir a temperatura do processador, podendo abaixá-la em até 10 graus devido a compostos com metais altamente condutivos, que auxiliam na transferência do calor do processador para o dissipador e cooler de forma mais eficiente.


 

Tente o underclocking


 

Caso o aquecimento persista, a prática de underclocking pode ajudar. Trata-se de fazer o processador funcionar com uma velocidade inferior à de fábrica, o que reduzirá a quantidade de calor gerada. Mas, esse é um recurso disponível somente em placas-mãe mais robustas e em processadores com suporte a overclock.


 

E se nada disso der certo?


 

Bem, não tem sentido investir em um processador mais potente se não é possível aproveitar o desempenho que ele oferece. Então, avalie a possibilidade de investir também em um sistema de refrigeração mais potente. Existem modelos de marcas respeitadas no mercado que podem variar de R$ 115,00 a R$ 330,00.


 

Fonte: TechTudo (site de tecnologia da Globo.com)

 

(!) A COMPORT PODE AJUDÁ-LO A ESCOLHER O SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO IDEAL PARA O SEU BOLSO E DEIXAR O SEU PC FUNCIONANDO DO JEITO QUE VOCÊ PRECISA!